Apresentação

Este projeto tem por objetivo contar boas histórias, mas sem esquecer que a trama está em constante desenvolvimento, precisando corriqueiramente vir a ser atualizada. Para tanto, nada melhor do que compreender seu fio condutor, tendo a cronologia como aliada.

Etimologia

O termo nasce dos fóruns de discussão na web. Para organizar a ferramenta, os sistemas costumam organizar os debates por temas, ou “threads”, como alguns de seus usuários preferem chamar. Trata-se de uma proposição que, uma vez divulgada, origina toda uma conversa entre o proponente e seus leitores.

Popularizando

Nas redes sociais, o termo se popularizou no Twitter, onde os “twitteiros” costumam linkar novos com antigos tweets de forma a complementar informações e fechar raciocínios. Ao ponto de a coisa por vezes ser confundida com um novo gênero literário, os “fios”.

Mas este sistema tem suas limitações, a começar pela impossibilidade de edição de qualquer informação compartilhada.

Ferramenta

O WordPress, contudo, oferece todo um leque de funcionalidades que permite a geração de threads ainda mais ricas, com layout customizável, sem limites de toques e em perfeito diálogo com os principais serviços da web.

Abaixo, temos um experimento com alguns desses recursos.

Exemplos

Clicando no link acima, é possível conferir em ordem cronológica em torno de vinte notas curtas. Nelas, é possível conferir a história de um momento conflituoso da relação entre Lula e Dilma Rousseff.

Mas, a depender da seleção de notas, ou acréscimo de outras, é possível criar novas threads que versem sobre discussões derivadas da história acima.

Clicando nos links abaixo, confere-se o resultado.

  1. Lula sabotava Dilma
    A história de como Lula atuou – em vão – para evitar o segundo mandato de Dilma Rousseff.
  2. Dilma sabotava Lula
    A história de como, mirando a sucessão, Dilma Rousseff deixou a Lava Jato se aproximar de Lula.
  3. Mercadante, o algoz de Lula
    A história de como Aloízio Mercadante, mirando a sucessão, aconselhou Dilma Rousseff a deixar a Lava Jato pegar Lula
  4. Dilma impediu o terceiro mandato de Lula
    A história de como Lula seria o candidato em 2014, mas Dilma Rousseff o traiu.
  5. Lula foi expulso do segundo governo Dilma
    A história de como Dilma Rousseff expulsou Lula do segundo mandato.

Diferenciais

Para resultar num produto que mereça a atenção do público, o Segue o Fio respeita algumas regras.

  1. Uma manchete para cada informação
    Por padrão, cada informação vira uma nota curta separada das demais, de maneira que possa servir a mais de uma história em separado.
    • Um registro, inúmeras referências
      Uma informação nunca é publicada duas vezes, mas pode ser referenciada inúmeras vezes.
    • Cada informação é compartilhável
      Cada informação pode ser compartilhada nas redes sociais em separado, ou referenciada em motores de busca.
  2. Comentários qualificados
    O sistema de comentários ficará restrito a analistas selecionados.
    • Em um segundo momento, quando da monetização do projeto, assinantes poderão ter um acesso “premium” à ferramenta.
  3. Fatos importam mais do que opiniões
    Opiniões são bem-vindas, mas os fatos têm prioridade. Mesmo os editores só poderão emitir a própria visão no sistema de comentários, fazendo daquela leitura uma opção do leitor.
  4. Monetização independente da edição
    Para garantir a liberdade editorial, a monetização do projeto não pode gerar qualquer nível de dependência dos financiadores. Com este objetivo, cogita-se:
    • Exibição de anúncios por intermédio de programas filiados, sem contato direto com os anunciantes.
    • Assinaturas não de um conteúdo premium, mas de uma experiência qualificada, como navegação sem anúncios, acesso a sistema de comentários e outros recursos de interação com o conteúdo.
    • Como marca, o projeto pode se capitalizar indicando produtos em uma loja virtual que lhe renda comissão.